Slideshow

segunda-feira, 30 de abril de 2012

III Encontro Anual de Líderes - Conteúdo da palestra A integridade do Líder (segunda, dia 30/04)



Palestra: A INTEGRIDADE DO LÍDER

Palestrante: Pr. José Carlos Alexandre

EPAFRAS, UM LIDER INTEGRO

Texto base: Cl 4.12,13

INTRODUÇÃO:

Epafras foi um dos companheiros do apóstolo Paulo – vide Cl 1.7; 4.12;Fm v.23, foi ele sem dúvida um líder que muito colaborou com o ministério de Paulo. Um estudo sobre os personagens de menor vulto no Novo Testamento adicionará um discernimento novo quanto à atuação desses homens nas páginas das Escrituras. Esboços biográficos dos lideres cristãos de menor proeminência, acerca de quem pouco se sabe diretamente , provará ser um estudo um tanto fascinante como recompensador. Muito pode ser aprendido com a história de Barnabé, Lucas, Marcos, Timóteo,Priscila e Áquila entre outros. Entre esse grupo está Epafras, um cristão integro e abnegado ao serviço do Senhor Jesus. Dentre as muitas qualidades deste líder cristão que embora apareça pouco nas páginas da Bíblia, podemos destacar as seguintes:

1.     Ele era um servo integro  – Cl 1.7

-Epafras nosso amado conservo... No grego temos “sundoulos”, “escravo-companheiro” ele tinha a Cristo a completa dedicação de escravo, não tendo vontade própria, e nem trabalhando para adquirir vantagem pessoal.
-Não existe qualidade mais importante na vida de um líder do que ser servo
- Deus chama servos para sua obra, foi assim com: Davi, Moisés, Paulo,Pedro, Judas – Sl 89.20; Ap 15.3;Rm 1.1; I Ped 1.1; Jd v. 1
- Uma liderança autentica, eficaz e exemplar tem uma marca: ser servo de Jesus Cristo. Integridade com certeza era uma marca muito forte deste notável servo do Senhor. Existem crises que fazem sucumbir a muitos lideres, quando os mesmos deixam de serem servos:
            a. Crise de autoridade (quando falta poder e unção)
            b.Crise de qualidade (quando misturamos nossa fé com aquilo que Deus  reprova)
            c. Crise de prioridade (quando nossos planos estão em primeiro lugar)
            d. Crise de fraternidade (quando o amor esfria)
            e. Crise de integridade (quando o caráter se corrompe)

2.     Ele era um lider integro no ensino da Palavra

Segundo foste instruídos por Epafras – Cl 1.7a , este último verbo vem do grego “matheteuo”, “tornar-se discípulo”, ou “fazer um discípulo”, “ensinar”.
Os crentes de Colossos eram discípulos de Epafras, e sob a instrução do mesmo se tornaram discípulos de Cristo.
Isto nos mostra como este homem era um mestre sincero e dedicado.
A importância do ensino na igreja  - I Tm 1.3
Deus tem levantado homens na sua casa para ensinar o seu povo – Rm 12.7 Ensinar refere-se tanto a teoria como a prática.
No grego temos a palavra didaskalos, é ensinar fazendo, ensinar a entender, treinar outros, enfim educar no sentido estrito da palavra.
É tornar clara a verdade através de processos lógicos.

3.     Ele era um líder integro no esforço pela igreja

O qual se esforça sobremaneira, continuamente, por vós – Cl 4.12. Foi Epafras informante do apóstolo Paulo acerca das dificuldades que havia em Colossos, por isso não media esforços na ajuda ao apóstolo, temos no grego o advérbio “pantote”, sempre , o que explica a tradução “continuamente”; e temos “agonidzomai”, “agonzar”, “lutar”, “esforçar-se”. Trata-se de uma palavra tirada do vocabulário atlético, de “agon”, uma competição atlética, uma luta. Essa palavra indica uma luta intensa, o que explica a tradução “se esforça sobremaneira”. Precisamos de lideres assim, que se esforce pelo rebanho do Senhor, lideres que priorizem pessoas e não coisas.

4.     Ele era um lider integro na sua fidelidade a Cristo – Cl 1.7

Fiel ministro de Cristo -  no grego temos a palavra “diakonos”, de onde nos vem o termo moderno diácono, alguém que serve, que ministra a outrem.
Ele era um ministro Fiel e amado, amado por Paulo, pelos crentes daquela comunidade, amado no Senhor.
Era ministro de Cristo, porquanto tinha desempenhado fielmente o seu papel, pois seu serviço prestado aquela igreja visava à causa do Senhor.
Ele respeitava a mensagem apostólica e não tentara substituir por alguma nova e estranha doutrina.Aleluia!

5.     Ele era um líder integro no seu testemunho

E dele dou testemunho... Cl 4.13
A importância do testemunho cristão  - o que estão falando de nós?
Quando pregamos ou ensinamos  estamos dando de Cristo a  Palavra e de  nós  o
testemunho. Deus dá testemunho de seus servos – deu de Davi – Uma vez jurei por minha santidade (e serei eu falso a Davi?) – Sl 89.35; deu de Abraão – Gn 20.1-7; deu de Jó – Tens visto Jó? homem integro e reto... Jó 1.8.  Daniel é identificado pelo seu excelente testemunho: Há no teu reino um homem que tem o  espírito dos deuses santos. – Dn 5.11
Você como líder  será que passa no teste do teu testemunho cristão?

6.     Ele era um lider integro no companheirismo ao apóstolo Paulo

A última referência a este grande líder espiritual é realmente encantadora e extraordinária: Saudam-te Epafras, prisioneiro comigo, em Cristo Jesus – Fm v.23; Foi ele sem dúvida um companheiro fiel do grande apóstolo, neste texto ele figura como companheiro de prisão, talvez preferindo ficar voluntariamente detido em companhia de Paulo, a fim de ajudá-lo em seu período de provas.
Umas das grandes virtudes do apóstolo Paulo, foi que o mesmo nunca escolheu andar sozinho, ele tinha muitos companheiros. Isso é muito importante, embora tenha se decepcionado com alguns, como Demas (II Tm 4.10), mas tinha ele companheiros fiéis como Epafras.
É muito perigoso quando um líder resolve andar sozinho – Ec 4.9;
Paulo a maior referência humana de liderança cristã, escolheu andar com pessoas (Fp 2.19-30).
Moisés Tinha um conselheiro chamado Jetro (Êx 18.13-27).
Davi Tinha um mentor, chamado Natã, era um profeta que o confrontava – (2 Sm 12.1-15). 
Josué tinha Moisés.
Jesus, sendo o Senhor, escolheu andar com pessoas.
Quando um líder resolve andar sozinho, é sinal de que algo não vai bem.
Quando um líder tem companheiros, ele presta contas daquilo que faz.
Quatro qualidades de quem presta contas: 1) vulnerabilidade – se deixa conhecer; 2) Vivacidade – aberto para aprender; 3) Disponibilidade – aceita ser perguntado; 4) Honestidade – É fiel a verdade sem se importar o quanto possa ferir.
O que pode fazer com que o líder seja um homem solitário:
1.      Perda da simplicidade
2.      A falta de “tato” no tratar pessoas
3.      A falta de investimento em relacionamentos. Atualizar-se no relacionamento humano
4.      O excesso de autoconfiança
5.      O mau humor crônico
6.      O sucesso, que sempre levanta uma parede de isolamento.
7.      A ingratidão
Homens de Deus que escolhem andar sozinhos juse tornam presas fáceis do diabo. Podemos entender perfeitamente o sucesso do ministério de Paulo, mas também o de Epafras eram companheiros não só na bonança, mas também de prisão. Veja o exemplo do apóstolo João na Ilha de Patmos: Eu, João, irmão vosso e companheiro na tribulação... Ap 1.9
Conclusão: A exemplo de Epafras sejamos fiéis no ministério que o Senhor nos confiou, nunca meu irmão negocie teu ministério, tu terás que prestar contas um dia diante de Deus, seja o exemplos dos fiéis, como foi Epafras. Deus te abençoe em Cristo Jesus.Amém!


“Ao Rei Consagro o que fiz” Sl 45.1


Palestra ministrada no III Encontro Anual de Líderes, segunda, 30 de abril de 2012
Palestrante, Pr. José Carlos Alexandre



2 comentários:

  1. Caracaaaaa... agora o blog tá lindíssimo. Parabéns. É isso aê melhorar sempre.!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado caro professor... suas orientações me ajudam muito...

      Excluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...